LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Assaltante de carro-forte e banco é morto em confronto com a PM em Pernambuco


Assalto a carro-forte no Sertão de Pernambuco (Foto: Divulgação / Polícia Militar)
Soldado da Polícia Militar da Bahia foi morto durante assalto a carro-forte em Cabrobó  (Foto: Divulgação / Polícia Militar)


Um assaltante foi morto a tiros no último domingo (26), em um confronto com a Polícia Militar (PM), em Cabrobó, no Sertão de Pernambuco. O homem é suspeito de envolvimento com roubos a bancos e carros-fortes em todo o Nordeste e participou da morte de pelo menos quatros policiais, informou a PM.

O confronto ocorreu próximo a casa da mãe do suspeito, no Sítio Santa Cruz, Zona Rural de Cabrobó, entre equipes do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) e uma quadrilha. Durante a troca de tiros o líder do grupo foi atingido e outros assaltantes conseguiram fugir pela Caatinga. A vítima chegou a ser socorrida para o hospital local, mas morreu antes de receber atendimento médico.
De acordo com a polícia, o suspeito foi encontrado com uma espingarda calibre 12. O homem é fugitivo do sistema prisional de Pernambuco e contra ele havia mandados de prisão em aberto.

Crimes

A PM afirmou que o assaltante é responsável pela morte de um soldado da Polícia Militar da Bahia, em novembro de 2015, durante um assalto a um carro-forte, próximo a cidade de Cabrobó. Ele ainda é acusado da morte de um agente da Polícia Civil, dentro de uma delegacia em Petrolina e suspeito de matar outros dois policiais militares. O último assalto a banco praticado pelo criminoso ocorreu no início do mês de fevereiro, em Missão Velha, no Ceará.




Fonte G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário