LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Mesmo o consumo moderado de álcool pode prejudicar o cérebro, diz estudo



 Estudo sugere que mesmo níveis considerados moderados de consumo de álcool são associados a um maior risco de danos cerebrais. (Foto: CDC/Debora Cartagena)
Os autores afirmaram que se trata de um estudo observacional, por isso não podem ser tiradas conclusões definitivas sobre causa e efeito, ainda que tenham apontado que o que foi notado pode ter "importantes implicações potenciais" sobre a saúde de um grande setor da população.

O consumo de álcool, inclusive em níveis moderados, é associado com um aumento do risco de danos cerebrais e de deterioração cognitiva, segundo um estudo publicado nesta última terça-feira (6),na revista médica "The British Medical Journal".

Os autores, um grupo de pesquisadores britânicos das universidades de Oxford e College London, acrescentam que o trabalho respalda a recente redução da orientação do álcool no Reino Unido e questiona os limites atuais recomendados nos Estados Unidos. 

Diversos estudos analisaram as consequências nocivas para o cérebro de uma ingestão excessiva de álcool, mas muito poucos o fizeram sobre um consumo moderado, alegaram os autores.

Por isso, eles decidiram se lançar a examinar se uma ingestão comedida de bebidas alcoólicas tem consequências positivas, negativas ou nulas na estrutura e na função do cérebro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário