LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Soldada dá risada após quase levar um tiro no rosto em troca de tiros com Estado Islâmico; veja o vídeo


post-feature-image

Imagens de tirar o fôlego, postadas nas redes sociais na última terça-feira (27), registraram o exato momento em que uma combatente das forças antiterroristas teve a sorte de escapar, por míseros centímetros, de ter a cabeça perfurada por um tiro do inimigo.

As imagens foram captadas durante troca de tiros dentro da cidade de Raqqa, no olho do furacão da guerra da Síria.

A pessoa que compartilhou primeiro as imagens no Twitter informa que a combatente é uma soldada curda, que compõe a coalisão militar contra os radicais do Estado Islâmico (EI).

O perfil na rede social escreveu que a imagem é resultado da batalha de snipers (atiradores de elite), dentro do município de Raqqa. O texto, ilustrado pelos desenhos de mãos em oração, ainda agradece a Deus pelo fato do soldado do Estado Islâmico ter errado a mira. E finaliza as legendas dos vídeos exaltando as soldadas curdas, “que não conhecem o medo”.

O conteúdo primeiro foca a soldada, que aparece debruada numa janela, mirando e disparando contra o inimigo. Na sequência registra-se o momento em que ela é quase atingida por uma bala vinda do lado oposto. O tiro acabou atingindo uma parede, muitíssimo perto da cabeça da atiradora. A distância não é superior a dez centímetros.

O momento de quase morte poderia tê-la paralisado. Mas isso não aconteceu! Ela não demonstrou estar assustada em ver seu fim de perto. Pelo contrário, se abaixou e começou a dar risada. Seria uma reação nervosa? Pode ser, pois há pessoas que quando em situação extrema reagem sorrindo, mas por dentro estão tremendo.
Créditos: Portal news365

Nenhum comentário:

Postar um comentário