LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88] 9 8801 1777

domingo, 11 de junho de 2017

Homem é preso após tatuar "eu sou ladrão e vacilão" na testa de jovem



Suspeitos foram presos no centro de São Bernardo do Campo.
Um vídeo de tortura que mostra um jovem de 17 anos sendo tatuado na testa com a frase "eu sou ladrão e vacilão" viralizou nas redes sociais.

O tatuador Ronildo Moreira de Araújo, 29 anos, e o vizinho Maycon Wesley Carvalho dos reis, 27 anos, foram presos em flagrante por tortura, na noite desta sexta-feira (9), no Centro de São Bernardo do Campo.

De acordo com o G1, eles são responsáveis pela tatuagem na testa do adolescente, que teria ocorrido na manhã de sexta-feira (9).

O jovem que aparece nas imagens estava desaparecido desde 31 de maio e foi reconhecido por familiares, que foram até o 3º Distrito Policial de São Bernardo do Campo para tentar localizar o paradeiro do rapaz. A família disse à polícia que o jovem é usuário de drogas.

O tatuador foi localizado no Centro de São Bernardo do Campo. Ronildo e Maycon disseram na delegacia que o adolescente teria tentado furtar uma bicicleta na região e ficaram revoltados com isso e "resolveram tatuar o mesmo como forma de punição".

A polícia fez uma operação de busca para encontrar o jovem que foi tatuado, mas ele está desaparecido. O tatuador e o vizinho informaram que colocaram o jovem em liberdade.

"O vídeo circula desde ontem [sexta-feira] na internet. A polícia agiu corretamente. Submeter alguém a intenso sofrimento físico e psicológico configura tortura. Se ele estava tentando furtar ou roubar eles deveriam chamar a polícia e não torturar", disse o advogado Ariel de Castro Alves, coordenador da Comissão da Criança e do Adolescente do Condepe (Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana de São Paulo).

Fonte: Notícias ao minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário