LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

quarta-feira, 12 de abril de 2017

No Acre, parente carrega idosa com mais de 80 anos por mais de 3 km nas costas para ela sacar benefício

Aposentada que flagrou a situação relatou que ficou 'impressionada' ao ver a cena nesta segunda-feira (10). Caso ocorreu em uma lotérica do Centro de Rio Branco.
Uma cena inusitada foi flagrada pela aposentada Conceição Benício, de 56 anos, em uma lotérica do Centro da capital do Acre, Rio Branco. Ela conta que por volta das 10h desta segunda-feira (10) viu um rapaz na fila preferencial carregando uma idosa de mais de 80 anos nas costas para que ela fosse sacar o benefício.

Impressionada com a cena, Conceição diz que se aproximou dele e descobriu que o rapaz andou mais de três quilômetros para sair de casa até a estrada para poder pegar um ônibus e seguir para a lotérica. O rapaz seria marido da neta da idosa.

"Ele me contou que mora na região da Estrada Transacreana, na zona rural de Rio Branco. Ele disse que não tem transporte, nem passa ônibus na frente da casa onde a idosa mora e que não tem como deixá-la sozinha. Como ela não anda, nem fala e não tem cadeira de rodas, ele resolveu carregá-la", conta Conceição.

Ao G1, o tio da neta da idosa, o produtor rural Pedro Matos, de 63 anos, disse que mesmo o rapaz não tendo nenhuma ligação de sangue com a idosa, ele "faz tudo por ela". Segundo Matos, a mulher tem várias doenças e após ser acometida por um derrame, não consegue mais andar e passa os dias em uma cama.

"Ela não anda sozinha, então ele, junto com a neta dela, faz tudo por ela, coloca nas costas e vai. Mas isso não é para querer judiar com ela, ele faz por bondade. Depois de levar ela para a lotérica hoje, eles iam para o médico em um posto de saúde", afirma Matos.

Fonte: G1 ACRE

Nenhum comentário:

Postar um comentário