LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

sábado, 8 de julho de 2017

Ceará tem o mês de junho mais violento desde 2013, com 474 homicídios


O número de homicídios no Ceará em junho quase dobrou e relação ao mesmo mês do ano passado, de acordo com registros da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) divulgados nesta sexta-feira (7). De acordo com o secretário da Segurança, delegado André Costa, a escalada da violência se deve ao conflito entre facções criminosas que disputam território do tráfico de drogas.

Em 2016, foram 250 homicídios no mês; neste ano, foram 474, incluindo uma morte ocorrida dentro de uma unidade prisional. Em todo o primeiro semestre, foram 2.229 homicídios. No primeiro semestre de 2016, foram 1.777.

Fortaleza foi a região com maior aumento na violência, com 197 homicídios e aumento de mais de 200% em relação ao mês de junho do ano passado. Os números foram altos em todas as regiões do estado: 121 na Grande Fortaleza, 79 no interior Norte e 77 no interior Sul.

Este é o mês de junho mais violento do estado desde 2013, quando a SSPDS passou a divulgar os assassinatos com base nos crimes violentos letais intencionais (CVLI). Em junho de 2015 foram 284 homicídios; 373 em 2014; e 356 em 2013.

Em maio, o Ceará também estabelecido o mês mais violento desde a contagem de CVLI, com 471 assassinatos. Em média, uma pessoa foi morta a cada uma hora e meia no mês, índice repetido em junho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário