LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Fim do Mistério: Foi descoberto quem é a “Mulher da Cola”, que gerou prejuízo a diversas lojas de Fortaleza


Desde a adolescência, a mulher de 26 anos tem surtos psicóticos (FOTO: Reprodução/TV Jangadeiro)


O caso da “Mulher da Cola” caiu na boca do povo em Fortaleza, na última semana. Desde que o programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT, denunciou a história, no último dia 20, comerciantes de diferentes bairros da cidade relataram que cadeados de seus estabelecimentos estavam sendo vedados com cola. Passada uma semana, o mistério foi desvendado.

O programa Vem Que Tem, da TV Jangadeiro/SBT, descobriu onde mora e quem é a mulher flagrada por câmeras de segurança de estabelecimentos que ficaram no prejuízo graças às ações.

A mulher tem 26 anos e vive no Bairro Messejana, em Fortaleza. Desde a adolescência ela sofre de surtos psicóticos. Segundo o pai, a mãe dela também sofria do mesmo problema.

“Minha filha vive em um mundo paralelo ao nosso. Muitas pessoas da família procuraram tratamento, até mesmo em São Paulo”, revela o pai, que não quis se identificar. O Sistema Jangadeiro também omite o nome dela, por segurança.

A mulher já foi internada em hospitais mentais duas vezes. “Aqui em Fortaleza, ela já foi internada no Centro de Atenção Psicossocial (Caps). O problema é que os hospitais locais não têm condições de receber uma paciente como a minha filha”, declarou.

A jovem colou cadeados de comércios na Avenida Washington Soares, no Bairro Messejana; na Avenida Presidente Costa e Silva; e na Avenida Perimetral, ambos no Bairro Mondubim. Após terem seus cadeados vedados, comerciantes registraram Boletins de Ocorrência (BO), pedindo apoio policial.

O pai prometeu internar a filha mais uma vez, para impedir novos incômodos em comerciantes de Fortaleza.

Veja a matéria do programa Vem Que Tem, da TV Jangadeiro/SBT:


 
Fonte Tribuna do Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário