LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Homem é preso acusado de mata e ateado fogo no corpo de um senhor de 55 anos em Várzea Alegre


post-feature-image

Emanoel Olímpio dos Santos, 25, vulgo “Paizim” foi preso nesta tarde de quinta-feira, 25, na cidade de Juazeiro do Norte. Ele é acusado de ter matado e ateado fogo no corpo de José Bernardo da Silva, 55 anos, mais conhecido por Zé de Bernardo. O crime aconteceu na comunidade de Villa Chique, bairro Sanharol, nesta cidade.

A captura do criminoso foi feita pela Polícia Civil, com trabalhos dos policiais Renato, Kerton e da escrivã Eliana, da Polícia Civil de Várzea Alegre e Diego, Danilo e Moreira, inspetores da Civil de Juazeiro do Norte – Delegacia Regional.

Segundo o policial Renato, o acusado, depois do crime, empreendeu fuga em direção à cidade de Juazeiro do Norte, onde se escondeu na casa de sua mãe, na Rua Anderson Caboclo, 83, bairro Frei Damião.

Chegando ao local, a polícia fez um cerco e entrou na residência onde o acusado estava escondido por traz de um fogão e não ofereceu resistência.

Motivação fútil

Segundo informações policiais, Paizim estava em Várzea Alegre, passando uma temporada na casa de uma irmã, no Sanharol. Na noite de ontem, ele, juntamente com outras pessoas, inclusive a vítima, estavam em uma bebedeira. Inclusive, teria feito arruaças, ameaçando moradores da localidade, ocasião em que a policia foi acionada, mãs não houve prisão. Por ocasão de sua prisão, nesta tarde, ele contou à polícia que era por volta de uma hora da manhã, quando na casa da vítima, foi fazer uma brincadeira, ateando fogo no colchão da cama que Zé de Bernardo dormia sob efeito de álcool.

O corpo de Zé de Bernaro ficou totalmente carbonizado. Há informações de que ele também teria desferido golpes de faca contra a vítima, mas, só a perícia poderá comprovar.
Créditos: Marco Filho via Várzea Alegre.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário