LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Bandido que comandava tráfico de drogas e assaltos em Caucaia morre em confronto com a PM na madrugada

Morto na Caucaia
Assaltante e traficante de drogas Tiago Chaves morreu na troca de tiros com os militares
Um intenso tiroteio entre bandidos e a Polícia Militar foi registrado no começo da madrugada desta terça-0feira na Região Metropolitana de Fortaleza. O incidente ocorreu durante um cerco policial no Município de Caucaia. Um dos bandidos, foragido da Justiça, morreu após ser baleado e socorrido para um hospital de emergência.
O fato quando a Polícia Militar cercou um grupo de traficantes e assaltantes no bairro Planalto Caucaia, no começo da madrugada. Um dos criminosos estava armado com uma pistola de calibre Ponto 40 (.40), de uso privativo das Forças de Segurança. Ele teria atirado cerca de 40 vezes contra patrulhas do Ronda Tático e da Força Tática de Apoio (FTA) do 12º Batalhão (Caucaia).
O bandido que comandou o ataque contra a Polícia e que acabou morto foi identificado como Thiago Soares Chaves, conhecido por “Tiaguinho”, que havia fugido da CPPL Um e foi recapturado, no começo do mês, no Conjunto Ceará. No entanto, já estava novamente solto e comandando uma quadrilha que vinha praticando assaltos e traficando drogas no bairro Planalto Caucaia.
Com o bandido baleado a Polícia encontrou uma pistola com dois carregadores.
O resto dobando continua sendo caçado pela PM na área de Caucaia. A Polícia acredita que o bando está fortemente armados, já que havia um informe levantado pela Inteligência  de que “Tiaguinho”  estaria com um fuzil. ///////////http://blogdofernandoribeiro.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário